7.10.16

Grandparents-JamesTimothyPeters.jpg

Foto: Grandparents - James Timothy Peters

 

Gostaria de dizer que todos os que me querem bem ficam para sempre comigo, mas às vezes não o sinto, pelo menos fisicamente.

Quando faço um telefonema à hora do almoço, à minha irmã, a perguntar “O que almoçaste hoje?”, lembro-me sempre do meu pai, quando o fazia diariamente.

Não era uma pessoa com posses, por isso não nos deixou nenhum carro nem qualquer casa ou terreno.

O que nos deixou foi uma grande marca na nossa forma de ser, embora às vezes nos esqueçamos.

Deixou o seu riso que só nós de casa é que conhecemos.

Deixou-nos as suas brincadeiras e vontade de brincar.

Deixou-nos a vontade de estarmos sempre juntos em família, nem que seja para discutir, dormir a sesta ou ver um bom filme.

Deixou a lembrança de um avô completamente babado, que não pegou nas suas filhas ao colo com medo de nos partir, mas que com o primeiro neto já o conseguiu, como se de um anjo da guarda se tratasse.

A herança mais valiosa que tenho é essa, a memória de alguém que me ajudou a ser quem sou e com tudo o que sou.

 

Sónia Abrantes

Link deste ArtigoPor Mil Razões..., às 09:30  Comentar

Dili | Timor-Leste

Pesquisar
 
Destaque

 

Porque às vezes é bom falar.

Equipa

> Alexandra Vaz

> Cidália Carvalho

> Ermelinda Macedo

> Fernando Couto

> Helena Rosa

> Inês Ramos

> Jorge Saraiva

> José Azevedo

> Maria João Enes

> Marisa Fernandesa

> Rui Duarte

> Sara Silva

> Sónia Abrantes

> Teresa Teixeira

Outubro 2016
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
13
15

16
18
19
20
21
22

23
25
27
29

30


Arquivo
Comentários recentes
Ola, boa tarde. o Mil Razões está em destaque no B...
OoopsFaltou dizer que a homepage dos Blogs do SAPO...
Olá,Este blog está em destaque na homepage dos Blo...
Parece que o Mil Razões quer mesmo estar em todos ...
O amor não resolve nada. O amor é uma coisa pessoa...
Presenças
Ligações
Música

Dizer que sim à vida - Carlos do Carmo:

 

Dizer que sim à vida - Luanda Cozetti: